100%

Leitão anuncia R$ 387 mil para segurança pública

Leitão anuncia R$ 387 mil para segurança pública Presidente Leitão também vai fiscalizar serviço de Oftalmologia prestado pelo Hospital de Portão
Portão será contemplado com uma verba federal de R$ 387 mil indicada pelo deputado federal Dionilso Marcon (PT), anunciou o presidente do Legislativo, Roberto Eismann, o Leitão (PT), na sessão ordinária desta segunda, 28 de agosto. Segundo ele, o recurso será aplicado em segurança pública — tanto na Brigada Militar quanto na Polícia Civil —, especialmente na compra de viaturas, coletas e armamento. “Os vereadores passam o mandato inteiro fazendo pedidos, apontando prioridades, mas tudo esbarra no dinheiro. Por isto, quando se consegue uma verba, é como se conquistássemos um troféu”, salientou.

O petista admitiu ter ressalvas quanto a emendas parlamentares, porque é longo o caminho entre o empenho do recurso por Brasília e a entrega da obra à população, o que pode trazer frustrações. É o caso das creches da Vila Rica e do Parque das Hortênsias, pelas quais lutou no mandato passado, mas problemas graves envolvendo a empresa contratada impediram que os prédios fossem até hoje concluídos. “Acredito que esse dinheiro não está perdido, mas temos uma situação complicada que terá de ser resolvida judicialmente e, ao mesmo tempo, o povo quer as creches”, destacou.

Leitão aproveitou a deixa para lembrar o governo municipal de que as conquistas construídas a partir de parcerias não podem passar em branco, ou seja, se um vereador trabalhou determinada demanda, ele deve ser referido, seja em eventos, seja em publicações. “Se não houver o reconhecimento por parte da Prefeitura ao meu trabalho, aí fica complicado, até porque a classe política anda muito desacreditada”, enfatizou.
 
OFTALMOLOGIA
Nesta terça-feira, Leitão encaminha ofício ao Hospital de Portão (HP) a fim de inteirar-se das rotinas do serviço de Oftalmologia, porque tem recebido queixas de pacientes, como espera superior a seis meses para uma reconsulta a fim de dar continuidade ao tratamento. “Quero saber quantas consultas, exames e cirurgias são realizadas, por mês, na oftalmologia do hospital para pacientes de nossa cidade. Também pergunto qual o tempo médio de espera para reconsulta, além de uma cópia do contrato, porque é necessário fiscalizar se tudo está sendo cumprido corretamente.” 

O presidente da Câmara salienta que precisa dessas informações detalhadas, porque é questionado pela comunidade. “Ainda temos demanda reprimida e temos que saber os motivos de haver pessoas aguardando consulta e reconsulta”, ponderou.

Notícias

COMUNICADO OFICIAL
COMUNICADO OFICIAL

A Câmara de Vereadores terá expediente alterado nos dias 5 e 6 de setembro. O atendimento ao público irá das 7h às 16h. No dia 8 de setembro não haverá expediente.