100%

Cidade precisa de capina geral, afirma Kiko

Cidade precisa de capina geral, afirma Kiko Kiko também enfatizou a importância de se pavimentar ruas de chão batido
Presidente da Câmara de Portão, o vereador Kiko Hoff (PDT) afirmou na sessão da última segunda, dia 4, que todo o município necessita de um mutirão de limpeza, e não apenas no trecho da avenida Perimetral compreendido entre as avenidas Brasil e Ceará, no bairro Estação Portão, como reivindicou verbalmente o colega Adair Rocha (MDB) pouco antes. “Portão carece de uma capina geral”, destaca o pedetista.

Em sua manifestação, ele reafirmou que o governo Renato Chagas deve priorizar investimentos em pavimentação de ruas de chão batido. “Minha concepção de cidade é diferente de outros prefeitos que passaram. É contrassenso priorizar asfalto em cima de rua que já tem calçamento, deixando famílias com filhos comendo poeira. Isso me dói. Calçamento será a minha bandeira neste mandato, mas não sei se vou ter sucesso.”

Com relação à crítica de Diego Martins (MDB) de que o município precisa de um “choque de organização” — seja por parte do poder público, seja da sociedade —, Kiko assegurou que providências neste sentido têm sido tomadas. “Conferi junto à Prefeitura que estão sendo emitidas muitas notificações para a limpeza de terrenos, sob pena de multa. Infelizmente, tem gente que só aprende desta maneira, mas esta é sim uma das prioridades da cidade”, reconhece.

Ao comentar discurso de Alexsandro Argenta (MDB) contra o ponto facultativo de setores da Secretaria da Saúde na última sexta, o presidente do Legislativo apontou a comunicação como a área mais deficiente da gestão Renato Chagas. “Concordo que fechar farmácia e posto por quatro dias e meio, e a população não saber disso, não é correto.”

Neste contexto, ele defendeu a extinção das “regalias” de que a classe política usufrui, principalmente deputados e senadores, que se aposentam de forma privilegiada.
 
Incentivo à leitura
Em plenário, Kiko enalteceu os resultados do projeto Vale Livro de Literatura, que aplicou 70 mil reais em livros para os 4.050 alunos e os 300 educadores da rede municipal de ensino. “Essa política foi uma das coisas mais gratificantes na minha caminhada política. Os 15 reais que cada aluno ganhou para escolher seu livro fizeram a alegria da criança. Estava estampada no rosto delas. O vale-livro vem numa idade em que o livro vai fazer diferença pelo resto da vida.”
 
Atletismo
O presidente da Câmara salientou também que o atleta Gilsinei Pesamosca da Rosa e seu treinador, Paulo Antoni, tiveram excelentes resultados na primeira etapa nacional do Circuito Caixa de Atletismo, que ocorreu em São Paulo, no último final de semana. “O Gilsinei conquistou Prata nos 100m, ouro nos 200m e também nos 800m.” A participação do portonense na competição foi possível graças à verba municipal, aprovada pelos vereadores, para cobrir passagem, hospedagem e alimentação.
Protocolos desta Publicação:Criado em: 06/06/2018 - 12:34:49 por: Marcelo Ricardo Fiori - Alterado em: 14/06/2018 - 07:09:13 por: Rosilei Antônio Antunes

Notícias