100%

Vereadores autorizam repasse de R$ 44 mil a agentes de saúde

Vereadores autorizam repasse de R$ 44 mil a agentes de saúde Projeto de lei foi aprovado por unanimidade de votos na sessão do dia 27 de agosto
A Câmara Municipal de Portão aprovou nesta segunda, dia 27, por unanimidade de votos, o Projeto de Lei 45/2018, que prevê o repasse de R$ 44.387,85 às 29 agentes comunitárias de saúde (ACS). Com isso, cada profissional vai receber uma bonificação de R$ 1.530,61 por terem cumprido metas de atendimento, não terem faltas injustificadas nem advertências.

O prefeito Renato Chagas (PDT) afirma na justificativa ao PL que a bonificação vem de um repasse da Secretaria Estadual Saúde que objetiva valorizar as agentes, além de ampliar e qualificar o acesso da população às ações de promoção, prevenção e recuperação da saúde.

Conforme o presidente da Câmara, Kiko Hoff (PDT), a Administração Municipal poderia aplicar a verba na compra de instrumentos de trabalho, mas optou por investir no desenvolvimento humano. “Acredito que esse dinheiro se reverte em qualificação do atendimento à população. Saúde não é somente remédio e equipamento. 80% dos casos de doença não são físicos. Muitas vezes, o que vale é uma boa conversa e atenção, e as agentes fazem um trabalho maravilhoso neste sentido.”

João Pedro Gaspar dos Santos (PT) concorda com Kiko: “O recurso poderia ser usado em equipamentos. Tenho certeza que haverá melhora da autoestima da categoria, pois se se sente valorizada pode desenvolver um trabalho ainda melhor”. Diego Martins (MDB) comentou que as ACS prestam um serviço relevante a um público que muitas vezes não tem acesso aos postos de saúde. Para ele, o PL é necessário para que não ocorra como no passado, em que as servidoras “aguardaram de braços cruzados por valores que lhes era devido”.

Valorização da saúde
Jorge Rodrigues Flores (PSB) avalia que a premiação é mais um gesto do prefeito Renato quanto à valorização da saúde. “Elas fazem um importante trabalho de campo e, por isso, precisam ser valorizadas.” Paulo Bonini (Progressistas) disse que a aprovação do projeto representa o reconhecimento ao trabalho das agentes comunitárias, que no dia a dia se deparam com tantos problemas que fica difícil não absorvê-los.

José Volmar Wogt (PDT) salientou que essas profissionais são merecedoras do bônus porque gastam sola de sapato, batendo de casa em casa com a missão de prevenir doenças e melhorar a vida das pessoas. “O trabalho deste grupo tem sido genial.” Adair Rocha (MDB) citou que elas chegam ao ponto de telefonar para os pacientes e lembrá-los de suas consultas médicas, numa proximidade que, às vezes, são até consideradas parte das famílias.

Mérito próprio
Gerson Roza (MDB) ressaltou que as 29 agentes de Portão estão de parabéns, porque a bonificação é fruto do bom trabalho que realizam, sendo cumpridoras de metas e horários e, além disso, atuam em locais de difícil acesso. “O prefeito foi sensível ao repassar o valor para elas e não a equipamentos.”

O discurso de Alexsandro Argenta (MDB), o Leco, foi na mesma direção. Segundo ele, a premiação distribuída às servidoras é consequência da dedicação às suas funções. “Não é mérito de prefeito ou dos vereadores. Atender 200 famílias por mês não é para qualquer um, então elas merecem até mais”.
Protocolos desta Publicação:Criado em: 29/08/2018 - 12:41:42 por: Marcelo Ricardo Fiori - Alterado em: 29/08/2018 - 12:45:01 por: Marcelo Ricardo Fiori

Notícias